Mecnismo de hidratação da pele: Como identificar o melhor método para você?

Hidratar, hidratar e hidratar! Uma pele com viço e hidratada é um desejo unanime, principalmente nas estações mais frias. A manutenção da hidratação da pele depende da relação entre o equilíbrio da renovação celular e o grau de hidratação, que para manter a integridade da barreira cutânea e elasticidade deve estar entre 30 % no nível de hidratação no estrato córneo (barreira cutânea que corresponde ao primeiro patamar de defesa da pele). Em uma pele com condições normais de hidratação as células da camada córnea se desprendem para o ambiente de maneira imperceptível, já em uma pele seca a falta de água faz com que essa liberação celular ocorra em blocos de células visíveis devido a união dos filamentos intracelulares gerando o aspecto de escama na pele.


O desequilíbrio no nível de hidratação da pele pode ocorrer devido a inúmeros fatores que podem ser por fontes internas como alterações hormonais, desbalanço nos mecanismos enzimáticos antioxidantes e baixa ingestão de água; assim como condições externas como mudanças na unidade do ambiente, excesso de desengorduramento da pele ( banhos quentes e excesso de sabão) e o uso de cremes fotossensíveis ou inadequados para o tipo especifico de pele.

Produtos cosméticos podem reverter e interferir no processo de desidratação da

pele uma vez que promovem a restauração da barreira epidérmica mantendo a integridade das células e assim reter a perda de água. Diferentes hidratantes com propostas de aumentar a capacidade hídrica das células dérmicas operam com os mais variados ingredientes em três mecanismos de ação predominantes: oclusão, umectação e hidratação ativa (ou umectação ativa).


Oclusão: cosméticos que atuam sobre esse mecanismo interferem na perda de água transepidermal formando um filme graxo superficial, assim a água fica retida entre o filme formado pelo cosmético e a camada córnea. Os principais ativos que atuam no mecanismo de oclusão para formar o filme protetor são óleos vegetais e manteigas vegetais ricas em ácidos graxos insaturados. Hidratantes que se utilizam da oclusão são indicados para todos os tipos de pele e em especial que sofrem com áreas extremamente secas.


Umectação: hidratantes por umectação retém água da própria formulação ou do ambiente por afinidade. Os ativos mais comuns são glicerina, ureia, ácido hialurônico, proteínas hidrolisadas, derivados de alga e pantenol que garantem toque suave e úmido imediato devido a capacidade de formação de ligação de hidrogênio. Todas as peles se beneficial de hidratantes umectantes, principalmente peles oleosas.


Hidratação ativa ou umectação ativa: Esse mecanismo de hidratação atua na permeação dos ativos cosméticos na camada córnea ligando-se a moléculas de água presentes naturalmente nessa região. Ativos como ácidos graxos livres e aminoácidos tem essa capacidade, deixando a pele com aspecto variado.


Os produtos hidratantes podem se utilizar de uma ou mais estratégia de hidratação para a pele, sendo recomendado o uso constante desses hidratantes.


43 visualizações

Cosméticos naturais e veganos

Inscreva-se para ficar por dentro das promoções e novidades!

Para entrar em contato com a Caulí, por favor envie um e-mail a contato@caulibelezanatural.com ou pelo whatsapp 48 99822-0979.

Caulí beleza natural

Rua Leonel Pereira, 1257, Florianópolis

CNPJ: 32.978.628/0001-52

Prazo de entregas: 4 à 10 dias úteis

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle